Skip links

NUH lança vídeo educativo sobre o REDS em parceria com MPMG

Em parceria com o CAO-DH do Ministério Público, O NUH – Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania LGBT  lança novo video sobre o REDS (Registro de Eventos de Defesa Social) – campanha voltada aos agentes de segurança pública de Minas Gerais para ajudar no momento do preenchimento do Boletim de Ocorrência.

Desde 2016, em MG, existem os campos “Nome Social”, “Identidade de Gênero” e “Orientação Sexual”, além da possibilidade de preenchimento de motivação homofóbica/transfóbica para o evento criminoso. `Pensando nisso, esse vídeo pode auxiliar no melhor preenchimento dessas informações e quem sabe assim melhorar a segurança da população LGBT em situação de vulnerabilidade.

Ao passar por uma situação de violência,  exija que esses campos sejam preenchidos, pois é seu direito assegurado por lei. Essa é uma das maneiras de o Estado construir dados sobre a violência de gênero específica dessa população.

Para refletir:

Por que o preenchimento cuidadoso do REDS é tão importante? Qual a importância dos campos “orientação sexual” e “identidade de gênero” para a caracterização das pessoas envolvidas na cena? O “nome social” é mesmo relevante para a identificação e localização de vítimas, autores e testemunhas? Como presumir a motivação e/ou causa de uma violação de direitos?

Confira o vídeo aqui:

Reader Interactions

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *