banner-home

Extensão

Ambulatório de Linguagem (AmbLin)

tem como foco a avaliação e intervenção nos transtornos específicos da linguagem oral (DEL) e da linguagem escrita (Dislexia) em alunos da Educação Básica (1º ao 9º ano) com idade de 6 a 15 anos. Oferece suporte e possibilita a ampliação das atividades de extensão, de ensino e de pesquisa desenvolvidas no LabCog. O diferencial desse ambulatório, em relação aos outros na área em Belo Horizonte (ex., Laboratório de Estudos dos Transtornos de Aprendizagem, “Letra”, no Hospital das Clínicas (HC/UMG)) é o oferecimento de intervenção, além do diagnóstico, ambas atividades realizadas por uma equipe multidisciplinar. O Ambulatório possui coordenação da professora Ângela Pinheiro e conta com a colaboração das profa. Viviane Verdu e profa. Marcela Mansur. Está localizado na Fafich, no Campus Pampulha da UFMG.  Contato: ambulatorio.linguagem@gmail.com

Atendimento Interdisciplinar no Plantão da Divisão de Assistência Judiciária (DAJ/UFMG)

O projeto de extensão é desenvolvido em parceria com dois cursos de graduação da UFMG: Psicologia e Direito. O primeiro atendimento, realizado no momento do plantão, será conduzido em conjunto por um discente de Psicologia e um discente do Direito. A proposta da realização dessa atividade acadêmica em conjunto visa contribuir para o desenvolvimento da interface entre Psicologia e Direito, bem como para a formação dos alunos visando à atuação em equipes interdisciplinares. A atuação dos extensionistas de Psicologia terá como enfoque as demandas que envolvem, principalmente, questões referentes aos desdobramentos do pós-divórcio, traduzidas em solicitações jurídicas a respeito de pensão alimentícia, de guarda de filhos e de visitação. Logo, são temáticas que a Psicologia Jurídica apresenta produção teórica que permite ampliar o entendimento da problemática familiar vivenciada após separação conjugal, contribuindo para que o atendido na Divisão de Assistência Judiciária possa refletir sobre o que ultrapassa a sua demanda que, a princípio, se apresenta como questão específica do campo jurídica.

Professores membros: ProfªDrª Laura Cristina Eiras Coelho Soares – UFMG
Sala: DAJ e 4046/FAFICH (supervisão)
Diálogos Familiares em Grupo: construindo caminhos para a convivência familiar após a separação conjugal
O projeto decorre da parceria da docente coordenadora com o Programa de Efetivação de Vínculos Familiares e Parentais do Ministério Público do Estado de Minas Gerais e vai ao encontro da efetivação de legislações específicas sobre a situação familiar vivenciada após dissolução conjugal. Nesse sentido, pode-se ressaltar a relevância da guarda compartilhada como modelo de guarda de filhos que permite a permanência dos vínculos parentais no contexto pós-divórcio, garantindo-se a convivência familiar da criança/adolescente com ambas as linhagens. A proposta de extensão encontra-se pautada na intervenção psicossocial, com suporte teórico da Psicologia Social Jurídica, com pais e mães separados por meio da realização de grupos que objetivam a criação de espaços de diálogo e de reflexão; na construção de uma prática psicológica no acompanhamento das visitas; e no acolhimento e acompanhamento dessas famílias.
 
Professores membros: ProfªDrª Laura Cristina Eiras Coelho Soares – UFMG
Sala: MPMG e 4046/FAFICH (supervisão)
Site: https://psijuridicaufmg.wordpress.com/
Contato:
nucleopsicologiajuridica@gmail.com
Projeto CAVAS (Extensão e Pesquisa com crianças e adolescentes vítimas de abuso sexual)

O Projeto CAVAS/UFMG foi implantado no Departamento de Psicologia da UFMG, em 2005, pela Prof. Dra. Cassandra Pereira França. Seu marco teórico é a Psicanálise e a Clínica Ampliada. Seguindo sua vocação acadêmica, o projeto segue duas vertentes de atuação social: uma ação interna na UFMG e outra externa. A primeira delas envolve compromissos dentro da instituição universitária, tais como a assistência psicológica a crianças e adolescentes vítimas de abuso sexual e o treinamento de estudantes de Psicologia para as especificidades dessa clínica – o que é realizado através de estágios, seminários clínicos e grupos de estudo. A segunda vertente de atuação, a externa, refere-se ao compartilhamento dessas experiências com profissionais das redes sociais de enfrentamento à violência sexual infanto-juvenil, através de Simpósios e Cursos de Capacitação dirigidos a psicólogos, assistentes sociais, médicos, advogados e conselheiros tutelares. A bagagem teórico/técnica que vem sendo adquirida ao longo dos anos, através da experiência clínica e de inúmeras pesquisas de Iniciação Científica, Mestrado e Doutorado no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da UFMG, está compilada em três livros: “Perversão: as engrenagens da violência sexual infantojuvenil” (Imago, 2010); “Tramas da Perversão: a violência sexual intrafamiliar” (Escuta, 2014); “Ecos do silêncio: reverberações do traumatismo sexual” (Escuta, 2017).

Tel: 34096293

Projeto Reinventar

Trabalho voluntário em curso preparatório para ENEM para funcionários terceirizados da UFMG. Os voluntários atuam como docentes. Contato: deborahbarbosa@ufmg.br

Projeto de Extensão em Orientação à Queixa Escolar 

projeto de extensão oferecido no serviço-escola (SPA) da UFMG, em parceria com o Centro Pedagógico da UFMG de atendimento à crianças do ensino fundamental. Contato: deborahbarbosa@ufmg.br

Projeto de Extensão e Vivência COM Ins PIRAÇÃO 

projeto de extensão e vivência que envolve atividades ligadas à Psicologia em sua relação com a Arte. Contato: deborahbarbosa@ufmg.br

Laboratório de Pesquisa e Ensino em História da Psicologia

O Laboratório de Pesquisa e Ensino em História da Psicologia configura-se como um espaço para o desenvolvimento de projetos de pesquisa e de atividades de ensino e extensão relacionados à história dos saberes e das práticas psicológicas no contexto brasileiro e internacional.  As atividades desenvolvidas pelo Laboratório têm como foco o conhecimento das bases epistemológicas presentes na construção do saber psicológico e o desenvolvimento da capacidade de elaborar avaliações críticas a respeito das linhas de pensamento e das práticas psicológicas. 

Coordenador: Sergio Cirino (Departamento de Psicologia -UFMG)

Vice-coordenadora: Erika Lourenço (Departamento de Psicologia -UFMG)

Componentes: 

Raquel Martins de Assis (Faculdade de Educação – UFMG)

Cristina Lhullier  (Universidade de Caxia do Sul)

Rodrigo Lopes Miranda (Universidade Dom Bosco)

Deolinda Armani Turci  (Doutoranda do PPG Psicologia – UFMG)

Sala: 4064 (Fafich- UFMG)
Contato 3409-6264