Estágio em RP


O estágio no curso de Relações Públicas é obrigatório, é regulamentado pela Resolução 002/2019 e possui as seguintes características:

  • É uma oportunidade de aprendizado para @ estudante e faz parte das atividades obrigatórias para o curso de Relações Públicas (a natureza do contrato de estágio pode ser “obrigatória” ou “não-obrigatória”).
  • Deve contemplar um plano de atividades que descreva ações realizadas pel@ estudante na área de Relações Públicas.
  • A carga horária máxima do estágio é de 30 horas semanais e poderá ser eventualmente alterada para não prejudicar o bom aproveitamento d@ discente no curso (caso de provas ou comparecimento à Comissão de Estágio, por exemplo).
  • O estágio é acompanhado pela Comissão de Estágio de forma conjunta com a Coordenação de Curso.
  • A Comissão de Estágio é responsável por aprovar o plano de atividades proposto ao início do estágio, receber e avaliar os relatórios parciais e finais.
  • As atividades didáticas d@ estudante são prioritárias e a participação e aproveitamento d@ discente no curso não podem ser prejudicadas pela participação no estágio.

Consulte a cartilha sobre a lei de estágio e a íntegra da Lei do estágio: LEI Nº 11.788, de 25 de setembro de 2008.

COMISSÃO DE ESTÁGIO DO CURSO DE RELAÇÕES PÚBLICAS

Professor Supervisor: Profª. Vanessa Veiga

Horário de Funcionamento da Comissão de Estágio (Plantão de Férias 2020)

– Todas as quartas-feiras (janeiro e fevereiro de 2020)
– Horário: de 10h às 11h
– Local: sala 1038c

                        

Procedimentos para realização do estágio

Participou de um processo seletivo de estágio e foi aprovado? Parabéns! Agora você precisa providenciar a documentação até no máximo 30 dias após o início do seu estágio.

PASSO 1: Verificar se a organização/empresa onde irá realizar o estágio já possui um protocolo de estágio celebrado com a UFMG. Para verificar se o protocolo já existe, consulte os links abaixo:

FAFICH: protocolos

PROGRAD UFMG: protocolos

A organização NÃO possui um protocolo? Então siga para o passo 2.

A organização já possui um protocolo? Então siga para o passo 3

PASSO 2: Criar um protocolo de estágio entre a organização e a UFMG

Caso a organização não possua um protocolo de estágio firmado com a FAFICH, ou caso este tenha expirado, @ estudante deverá providenciar então um novo protocolo de convênio. O procedimento, neste caso, é simples e não depende do horário da comissão de estágio:A) Imprimir duas vias do modelo de Protocolo de Estágio a ser firmado entre a empresa e a FAFICH, preencher com os dados da organização onde fará estágio. As duas vias tem que ser assinadas e carimbadas pela responsável da organização, deixando o campo da data em branco. (NÃO ESQUECER DO CARIMBO!)

B) Entregar as duas vias assinadas na Central de Atendimento dos Colegiados de Graduação (2º andar da FAFICH), com as secretárias Viviane ou Flávia. Elas irão encaminhar os documentos à Diretoria da FAFICH para formalizar o protocolo. Esse processo não é demorado: em uma semana você deve ir ao atendimento da Comissão de Estágio para buscar o protocolo e levar os documentos do PASSO 3.

PASSO 3: Comparecer no atendimento presencial da Comissão de Estágio portando os seguintes documentos preenchidos, assinados e carimbados:

A) Três vias do Termo de Compromisso: o termo de compromisso deve conter o número do Protocolo de Estágio firmado com a FAFICH (pode ser inserido na hora do atendimento, caso o protocolo já esteja firmado) e número de apólice do seguro-saúde. As três vias do Termo de Compromisso precisam estar prévia e devidamente assinado pel@ alun@ e pel@ supervisor(@) da empresa (com o carimbo!).

B) Três vias do Plano de Atividades: Tem que estar prévia e devidamente assinado pel@ alun@ e pel@ supervisor(@) da empresa (com o carimbo!).

ATENÇÃO: Comparecer à Comissão para formalizar o início do estágio no prazo máximo de 30 dias após o início das atividades. A Comissão de Estágio e a Coordenação de Curso não assinarão Termos de Compromisso com data retroativa superiores a este período.

DURANTE O ESTÁGIO:

A cada seis meses: Apresentar o Relatório de Atividades de Estágio – mesmo que prossiga no estágio por mais tempo. Uma via fica arquivada no Colegiado de Relações Públicas, e a outra fica para @ própri@ discente, caso queira depois solicitar que esta vivência profissional seja integralizada como créditos na disciplina “Estágio Supervisionado Obrigatório” (veja o Projeto Pedagógico do Curso para mais informações).

Em caso de rescisão: Caso @ estudante interrompa o estágio antes do prazo descrito no Termo de Compromisso, deve trazer o termo de rescisão em três vias à Comissão de Estágio;

Em caso de prorrogação do estágio (aditamento): Trazer o novo Termo de Compromisso à Comissão de Estágio.

APÓS O ESTÁGIO:

É hora de cursar a disciplina obrigatória “Estágio Supervisionado Obrigatório”

A disciplina COM 698 – Estágio Supervisionado Obrigatório tem o objetivo de acompanhar, formalizar e validar os aproveitamentos de estágio desenvolvidos pel@s discentes, especialmente os não-obrigatórios, como previsto no currículo do curso.
Sendo assim, indicamos como altamente recomendável a matrícula na disciplina para discentes que estão ou estarão matriculados apenas no quinto período do curso em diante e que:


1 – JÁ FIZERAM ESTÁGIO com a produção de relatório semestral entregue ao colegiado; OU
2 – Realizam estágio no mesmo período em que se matriculou na disciplina e têm a perspectiva de nele permanecer e cumprir, pelo menos, 210 horas. Essa carga horária deve ser completada até 45 dias antes da finalização do semestre letivo.

A disciplina constitui-se em alguns encontros em que são discutidos os aspectos dos estágios realizados. A avaliação do discente na disciplina é feita com base no relatório de atividades de estágio entregue previamente no Colegiado, juntamente com um portfólio e memorial produzido durante a disciplina. Por isso, QUEM NÃO REALIZOU ESTÁGIO antes da disciplina, NÃO deve se matricular nela.