Home > Noticias > Do Jornalismo à Comunicação

Imprimir Voltar

Do Jornalismo à Comunicação

Pouco tempo depois o curso passou a ser polivalente, ou seja, capacitava o aluno a atuar nas áreas de Jornalismo; Publicidade e Propaganda; Relações Públicas. Em 1968, com a Reforma Universitária foi criado o Departamento de Comunicação. Pela primeira vez, um docente da própria área foi indicado para coordená-lo. A escolha recaiu no professor José Mendonça que o dirigiu de 1969 a 1974.

Jose Mendonca

Em 1975, o curso polivalente deu lugar a uma subdivisão em três habilitações e posteriormente em 1985, passou a contar também com a habilitação Radialismo (Rádio e TV).

Também de forma pioneira em Minas Gerais, o Programa de Pós-graduação começou a se estruturar em 1995, com a criação do Curso de Mestrado. Posteriormente, em 2004, foi criado o Doutorado.

Nos anos 2000, de maneira pioneira, o curso passou a experimentar um currículo mais flexível que possibilitou aos alunos desenvolverem suas habilidades de forma mais próxima aos seus interesses.

Atendendo às novas diretrizes estabelecidas pelo MEC, em 2013, o curso de graduação em Comunicação Social da UFMG está em processo de mudança. O quesito que deverá ser alterado de forma mais significativa é a separação das até então habilitações em três diferentes cursos. A intenção é alterar 40 vagas do período diurno, sendo metade ocupada por alunos de Relações Públicas e a outra metade por alunos ingressantes em Jornalismo. Serão mantidas as 40 vagas no período da manhã para publicidade e as outras 40 vagas noturnas para jornalismo. O estágio passará a ser obrigatório, além da formalização da já existente comissão de estágio como cumprimento de carga horária dos professores. A intenção do colegiado é tentar manter a flexibilidade, que já é uma marca do curso, possibilitando ainda um trânsito entre as matérias das duas formações. É importante ressaltar que as mudanças ainda não são oficiais, mas espera-se que elas possam entrar em vigor para os novos alunos que ingressarem em 2016. Hoje, a graduação possui 564 alunos matriculados. 

O departamento de Comunicação Social conta atualmente com vinte e nove professores, além de cinco novos docentes que já foram aprovados em concurso público e aguardam a conclusão do processo de admissão. A inclusão desses novos professores vem em grande parte para atender a uma demanda feita pelos próprios alunos, como um número maior de laboratórios em rádio e em televisão.  Também nove servidores técnicos e administrativos dão suporte às atividades realizadas.

Já o Programa de Pós-graduação atende 40 alunos de mestrado e 48 alunos de doutorado. Durante os seus vinte anos de funcionamento, foram defendidas 207 dissertações de mestrado e 50 teses de doutorado.


Produtos relacionados com a Memória da Comunicação Social UFMG

Banco de Imagens do Flickr 1

Banco de Imagens do Flickr 2

Canal do Youtube

Noticias

Últimas Notícias

Ver todos >